Raríssimas. Associação desmente desvio de fundos, Governo vai avaliar

Governo vai avaliar a situação da associação Raríssimas e agir em conformidade

Com base em testemunhos e centenas de documentos, a investigação jornalística conclui que a gestão da presidente da Raríssimas, Paula Brito e Costa, poderá estar em causa.

As acusações contra Paula Brito da Costa são corroboradas pelo testemunho de vários ex-funcionários da Raríssimas, entre os quais estão dois ex-tesoureiros, uma antiga dirigente e outra pessoa que trabalhou como secretária naquela associação sem fins lucrativos, munidos de vários documentos que dão conta de transações alegadamente ilícitas que terão beneficiado a presidente desta associação sem fins lucrativos dedicada aos cuidados de portadores de doenças pouco comuns.

Conduzida pela jornalista Ana Leal, esta gestão poderá abrigar mapas de deslocação fictícias, vestidos de alta costura, gastos pessoais em supermercados e relacionados com automóveis de alta cilindrada, e ainda pagamentos de viagens ao estrangeiro.

Também em comunicado, o secretário de Estado da Saúde Manuel Delgado escreve que, enquanto foi consultor remunerado da Raríssimas, nunca teve "conhecimento ou participação na análise ou nas decisões referentes ao financiamento e à gestão correntes da Instituição".

Para a TVI, surgem também envolvidos no esquema de utilização fraudulenta de recursos da associação o secretário de Estado da Saúde, que foi consultor da associação recebendo 3 mil euros por mês, e a deputada do PS Sónia Fertuzinhos, que viajou até à Noruega paga pela Raríssimas. "Era um mapa de deslocações fictício, porque essas deslocações não existiam", acrescentou. O tesoureiro apresentou então a sua demissão.

O ex-tesoureiro confessou, ainda, ter sido confrontado por uma contabilista da instituição com despesas relacionadas com vestidos de marca, pagos por Paula Costa e Brito. Em donativos particulares terá recebido no ano passado mais de 718 mil euros. "Eu tenho um ano, de 2013 ou 2014, com 500 mil euros de prejuízo".

O Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social anunciou neste domingo que "irá avaliar a situação e agir em conformidade, tendo sempre em conta, e em primeiro lugar, o superior interesse dos beneficiários" da instituição.

Os vencimentos apresentados na reportagem "foram artificialmente inflacionados", alegam os responsáveis da Raríssimas, segundo os quais os salários têm por base a tabela definida pela Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade Social (CNIS).

Pouco tempo depois do final da reportagem, a página de Facebook da Raríssimas foi inundada com comentários e críticas negativas.

Depois de a reportagem ser transmitida no sábado à noite, a Raríssimas reagiu em comunicado publicado no Facebook neste domingo: "Todas as acusações apresentadas nesta reportagem são insidiosas e baseadas em documentação apresentada de forma descontextualizada".

A Raríssimas sublinha ainda que "não existiu disponibilidade para considerar factos que a direção se prestou a fornecer", apontando o dedo a uma "narrativa predefinida" que não deu "oportunidade de contraditório".

As despesas da presidente Paula Brito e Costa estão registadas em "contabilisticamente e auditada, tendo sido aprovada por todos os órgãos da direcção", adianta o comunicado.

"A Direção da Raríssimas emitirá nas próximas 48 horas o direito de resposta, na qual todas as questões levantadas pela reportagem merecerão um esclarecimento cabal e fundamentado", conclui a nota publicada na rede social.

Related:

Comments

Latest news

Decisão de Trump não é conforme resoluções da ONU — Embaixadores
Os palestinianos querem ter como capital de um futuro Estado da Palestina o setor oriental da cidade, anexado por Israel. Para hoje estão convocadas novas manifestações de protesto em Jerusalém Este, Belém e outras cidades cisjordanas.

Países árabes vivem dia de protestos contra decisão de Trump sobre Jerusalém
As informações são da EFE. "De 6 a 8 de dezembro" foram anunciados "três dias de ira", afirmou. O termo Intifada vem do árabe e significa levante ou revolta.

Morre atriz Eva Todor, aos 98 anos
Eva Todor era viúva e não deixa filhos. "A Eva teve toda a assistência", afirmou Marcelo Del Cima, amigo da atriz, ao jornal. A amizade entre os dois facilitou o processo para ela conseguir a identidade nacional e abrasileirar o sobrenome para Todor.

Salvador Sobral "está bem e animado"
A operação "durou o normal, cerca de quatro horas" e Salvador Sobral pediu para meteram música clássica quando recebeu a novidade. A doação do órgão foi, sublinhou, um "gesto de generosidade muito grande" que, nos tempos que vivemos "deve fazer-nos refletir".

Protests against Trump's Move on Jerusalem Spread to Europe
After Trump recognized Jerusalem as the capital, it is only natural for Israel to want to reinforce its status, she said. On Netanyahu's instructions, the vote will wait until after US Vice President Mike Pence visits Israel on December 18.

Los británicos podrán cambiar los términos del Brexit -ministro Gove
En la actualidad, bienes, servicios y personas circulan sin ningún tipo de barreras en el interior de la isla. Y por el momento, Irlanda del Norte seguirá dentro de la unión aduanera y del mercado interior.

Exército troca general após nova fala sobre intervenção militar
Em setembro, Mourão falou três vezes sobre intervenção militar em outra palestra. Não há dúvidas que vivemos a 'Sarneyzação'.

Imbassahy pede exoneração do cargo de ministro ao presidente Michel Temer
O nome do deputado Carlos Marun (PMDB-MS) já circula no Palácio do Planalto como provável substituto na Secretaria de Governo . Durante a Convenção, há a expectativa para uma definição sobre a permanência ou não da legenda na base do governo.

4 - 'Lula quer voltar à cena do crime', atacará Alckmin em convenção
Ele foi gravado pedindo R$ 2 milhões a Joesley Batista, empresário da JBS. Aécio ficou no comando do PSDB entre 2013 e 2017.

Bayern Munich aplasta al PSG en Champions League
El Bayern Munich estará en octavos de final de la Liga de Campeones y formará parte del bombo 2 en el sorteo como el Real Madrid. Sin embargo, los bávaros le ganaron por 3 a 1 y le cortaron su racha, aunque no les alcanzó para ganar la zona B.

"No soy nadie en River al lado de Ponzio" — Mascherano
La inminente partida de Javier Mascherano está obligando al Barcelona a adelantar los tiempos con el traspaso de su reemplazante . El volante habló con Paulinho y tiene buenas referencias, ante todo en lo salarial, pero no lo convence la cuestión futbolística.

Receita abre consulta ao lote de restituição do Imposto de Renda
Os valores da restituição deste ano vêm corrigidos em 6,19%, referentes ao período compreendido entre maio e dezembro. O sétimo lote de restituição do IRPF 2017 contempla 1.897.961 contribuintes, que receberão mais de R$ 2,8 bilhões.

Ataque israelense deixa 14 feridos em Gaza
Os palestinianos querem ter como capital de um futuro Estado da Palestina o setor oriental da cidade, anexado por Israel . Israel capturou o leste de Jerusalém na Guerra dos Seis Dias, em 1967, e a cidade é o lugar mais sagrado para o judaísmo.

Tribunal argentino ordena prisão preventiva de Cristina Kirchner
Em sua resolução, Bonadío alegou que a ex-presidente poderia dificultar o processo devido aos contatos que ela possui. A senadora ainda argumenta que foi denunciada por Nisman quando quis separar o procurador da investigação.

Turquía condena reconocimiento de EEUU a Jerusalén como capital israelí
El Ejército israelí confirmó enfrentamientos en seis puntos de la frontera con Gaza y en múltiples localidades en Cisjordania. Israel anunció el despliegue de refuerzos militares en Cisjordania.

Other news